TSE E TRE-SP REGISTRAM O FALECIMENTO DO ADVOGADO ALBERTO ROLLO E SUA CONTRIBUIÇÃO PARA O DIREITO ELEITORAL

O Tribunal Superior Eleitoral, na sessão de abertura do ano judiciário realizada em 01.02.2017, registrou por sugestão do Ministro Henrique Neves o falecimento do advogado Alberto Rollo e sua contribuição para a especialização do direito eleitoral brasileiro e inclusão na grade dos cursos jurídicos nacionais. Aderiram à manifestação de pesar os advogados que militam perante aquela Corte e a Procuradoria-Geral Eleitoral. O Presidente, Ministro Gilmar Mendes, ressaltou a contribuição acadêmica do advogado Alberto Rollo nas discussões promovidas em debates de direito eleitoral e de reforma política, sempre com “vigor e dedicação”. confira o vídeo

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo homenageou, por iniciativa dos advogados que militam perante aquela Corte, o advogado Alberto Rollo na primeira sessão judiciária do ano, ocorrida no dia 23 de janeiro de 2017. “O presidente do TRE-SP, des. Mário Devienne Ferraz, disse que Rollo foi um advogado dedicado e combativo, além de um ser humano muito querido. ´Ele vai deixar uma lacuna muito grande nas lides diárias desta Corte´, afirmou o magistrado. Também se manifestou o corregedor e vice-presidente do TRE-SP, des. Cauduro Padin, segundo o qual Rollo se destacou como profissional ético e sério, que enalteceu o direito eleitoral. Pelo Ministério Público, o procurador-regional eleitoral Pedro Barbosa Pereira Neto registrou que Alberto Rollo tinha um espírito aberto. Nas intervenções do homenageado perante o Tribunal, lembrou Pereira, Rollo sempre aliava descontração às já conhecidas habilidades jurídicas. Tito Costa, com 94 anos, representou a classe dos advogados militantes na Justiça Eleitoral. Recordou que Alberto Rollo foi um dos primeiros comentaristas da Lei nº 9.504/97, conhecida como a Lei das Eleições. Afirmou ainda que o homenageado deixará muitas saudades na comunidade jurídica nacional.” Fonte: TRE-SP. confira a notícia no site do TRE-SP